As Conferências Municipais de Saúde são de extrema importância para o bom funcionamento da gestão municipal, por meio dela é possível avaliar a situação de saúde do município e propor diretrizes para a formulação da política de saúde, as Conferências são previstas na Lei nº 8.142/90. Livramento começou na noite de ontem, 27 de julho de 2017, na Escola Municipal Polivalente, a VI Conferência Municipal de Saúde de Livramento, que é realizada de quatro em quatro anos e foi convocada pelo Conselho Municipal de Saúde em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde por meio da Resolução nº09/2.017 e pelo Decreto Municipal nº 431/2.017. Participam das Conferências Municipais de Saúde: gestores de saúde, conselheiros municipais e distritais, trabalhadores de saúde e outras políticas que fazem interface com saúde, representantes de entidades de saúde, membros e representantes de organizações de usuários, representantes de conselhos setoriais (serviço social, educação etc) e de defesa de direitos. O prefeito Ricardinho Ribeiro abriu a Conferência, agradeceu a todos e desejou um bom trabalho, que as discussões tragam boas propostas para orientar o município na área de saúde nos próximos quatro anos. Formaram a mesa principal, além do prefeito, o secretário de saúde Gerardo Júnior, a presidente do Conselho Municipal de Saúde Cristiane César, os vereadores João de Ogum e Paulo Lessa, Vitório Novais (ASAMIL), Cleide Coelho (Sindicato dos Agentes Comunitários) e o 1º Sargento Landoaldo S. Santos (46ªCIPM).